quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Simplicidade

" E Naamã, capitão do exército do rei da Síria, era um grande homem diante do seu senhor, e de muito respeito; porque por ele o SENHOR dera livramento aos sírios; e era este homem herói valoroso, porém leproso.
E saíram tropas da Síria, da terra de Israel, e levaram presa uma menina que ficou ao serviço da mulher de Naamã.
E disse esta à sua senhora: Antes o meu senhor estivesse diante do profeta que está em Samaria; ele o restauraria da sua lepra."
2 Reis 5:1-3

O grande problema das pessoas na maioria das vezes, não é o problema em si, mas sim a solução que tentamos dar a tais problemas. Complicamos algo que deveria ser simples.

Uma jovem israelita foi levada como escrava para a Síria, onde servia o comandante do exército do rei, que tinha lepra. Esta jovem comovida com a enfermidade do seu senhor, com grande compaixão sugeriu que ele procurasse a um profeta que estava em Samaria para que fosse curado da lepra. Vejam que simples solução para o sofrimento de Naamã! Mas Naamã não encarou isso como algo tão simples assim, ao invés de procurar diretamente o homem de Deus que poderia lhe curar, ele foi até seu rei, que por sua vez escreveu uma carta ao rei de Israel com o seu pedido de cura acompanhados de prata, ouro e dez mudas de roupas como presentes, com a intenção de comprar sua cura. Entretanto o rei de Israel interpretou isso como uma ameaça de guerra.
Felizmente, Eliseu acalmou o rei e ofereceu a Naamã direções para sua cura: Lavar sete vezes no Rio Jordão. Direções simples,mas que Naamã tomou como insulto a primeira vista "Não são porventura Abana e Farpar, rios de Damasco, melhores do que todas as águas de Israel? Não me poderia eu lavar neles, e ficar purificado? E voltou-se, e se foi com indignação."(v.12)
Mas no final acabou tudo bem, mas vale a pena analisar as barreiras de uma boa comunicação; Medo e dúvida levou Naamã acreditar que ele deveria comprar sua cura,mesmo que a jovem simplesmente o instruiu pedir a Eliseu.
Suspeita e insegurança causou o rei de Israel a desconfiar do desejo de cura de Naamã. Ele estava desconfiado de Naamã e duvidava do poder de Deus na vida de Eliseu. Orgulho causou Naamã insitir em seus próprios termos, mesmo precisando deseperadamente de uma cura.
Com certeza nós complicamos nossas vidas adicionando uma pitada de dúvida e medo, um toque de suspeita e insegurança, e ainda por cima disso tudo o orgulho. Deus deseja de nossa parte obediência e amor e a disposição de seguir sua direção, que sempre será simples. O desafio é manter a perspectiva, lembrando das direções, e mantendo-las simples. Com a ajuda de Deus, nós podemos.

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

DOMÍNIO PRÓPRIO


"Como a cidade derrubada, sem muro, assim é o homem que não pode conter o seu espírito." Provérbios 25:28


A maioria das cidades da antiguidade eram cercadas por muros que serviam de proteção . E se esses muros estivessem danificados essa cidade estaria vulnerável ao ataque de inimigos. Desta forma a manutenção desses muros era algo de extrema importância.

Provérbios 25:28, compara o domínio próprio de uma pessoa com um muro de proteção, para se manter livre das forças que podem atacar as fraquezas e causar prejuízo. As Escrituras nos adverte que perder a temperança pode nos levar a resultados desastrosos. Ter a tendência de perder facilmente o auto-controle.Fofocas de vizinhos ou colegas de trabalho, ou criticar aqueles que são autoridade. Ter um desejo mórbido de possuir muitas coisas materiais, ou uma compulsão de qualquer natureza. Proferir palavras ásperas sem pensar nas consequências , promessas quebradas, ou uma ação desrespeitosa é um forte sinal que seu muro interior do auto-controle desabou. Um domínio próprio deficiente nos leva a viver uma vida de hipocrisia, e então nós perderemos toda credibilidade como uma testemunha de liberdade e alegria de uma vida Cristã.
Mas desenvolver domínio próprio não é somente uma questão de querer ter um comportamento correto. Você pode até decidir que não vai mais se deixar levar pela situação e ter o auto-controle desejado, mas vai acabar sucumbindo mais uma vez na próxima tentação .
Domínio próprio não é simplesmente algo que devemos ou não devemos fazer. O apóstolo Paulo nos diz que o Espírito Santo deseja guiar nossas vidas. Só ele pode vencer nosso apetite pelo pecado e construir um domínio próprio com o poder de permanecer. Na medida que nos voltamos na direção do Espírito Santo, nós descobrimos que nós somos mais capazes de resistir aquelas coisas que nos costumavam fazer vítimas das próprias fraquezas. É somente com o poder do Espírito Santo que nossos muros do domínio próprio podem estar seguros.

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Liderança


"E ele, assentando-se, chamou os doze, e disse-lhes: Se alguém quiser ser o primeiro, será o derradeiro de todos e o servo de todos." Marcos 9:35

Outro dia me perguntaram o que era necessário para ser um bom líder. Refleti sobre o assunto e reparei que existem várias opiniões sobre o que é ser um verdadeiro líder. Não conseguimos um exemplo melhor que Jesus Cristo para entender verdadeiramente o que é ser um bom líder.
O mundo nos ensina que liderança é poder e dominação. Quanto mais rico, esperto e de uma aparência atraente , melhor se enquadra no perfil de líder. Pesquisas nos mostram que uma pessoa bonita consegue melhor posição nas empresas, mesmo que tenha qualificações muito aquém das de uma pessoa sem atributos de beleza convencional. O mundo olha os aspectos exteriores como uma forma de liderança.
Mas a verdadeira liderança é encontrada no interior. Ser líder é ser humilde e colocar as necessidades dos outros na frente das suas. É o Chefe ficar umas horas extras para te ajudar ao invés de sair mais cedo. É o Pastor que se vê pecador tanto quanto qualquer pessoa. Para ser um bom líder, você tem que aprender como servir os outros.
Jesus nos mostrou a verdadeira liderança. Mesmo quando ele estava cansado de viagem, ele ensinava e curava. Na noite anterior de sua morte, ele lavou os pés dos discípulos. Ele nunca pediu para ser honrado na terra, e ele era o Filho de Deus! Jesus sabia o que era ser líder.
Como você lidera as pessoas ao seu redor? Você os influencia com palavras bonitas, uma casa bonita, e roupas caras? Mulheres, vocês influenciam dando uma ajuda útil ? Que seja lavar pratos, dar uma mão na arrumação? Maridos, vocês são líderes em suas casas. Você ajuda sua esposa em casa facilitando o seu trabalho doméstico? Nós mostramos nosso amor a Deus através do nosso serviço aos outros. Faça uma lista de como você usa seu tempo para servir aqueles que se encontram em necessidade. Você é uma influência de Deus na vida das pessoas ao seu redor?
Para mim ser líder é servir, para ser o primeiro é preciso ser o último de todos, é ser servo de todos.
Como é a primeira postagem do ano de 2009, desejo a todos um Feliz Ano Novo.